OUÇA – Orbital

por Pedro Zanotto (@pedrozanot)

Eis que numa tarde de fim-de-semana me deparo com isso:

Orbital é uma dupla britânica de música eletrônica formada pelos irmãos Paul e Phil Hartnoll. Em 1989, eles lançaram seu primeiro single, “Chime”, reforçando as bases do que hoje se conhece como acid house e se lançando ao mundo. “Acid” vem do som hipnótico e “trance” que o sintetizador Roland TB-303 conseguia produzir, embora a mídia tenha associado o nome ao LSD, comumente chamado de “ácido”.

Depois vieram singles como “Are We Here?” e “The Saint”, que fizeram sucesso nos clubes do Brasil nos anos 1990. Após 8 anos sem lançar álbum algum, a dupla lançou “Wonky” nesse ano, que já tem 3 singles: “New France”, “Wonky” e “Where Is it Going?”.
PORÉM eu quero falar sobre esse show, que traz os sucessos antigos e os novos em um cenário IMPECÁVEL (esses triângulos não lembram o cenário dos caras do Daft Punk?), arranjos INCRÍVEIS (e alguns samples) e os irmãos em sua melhor forma.
A começar pela lindíssima combinação – aos 11:00 – de Halcyon com Heaven Is A Place On Earth, da Belinda Carlisle, e You Give Love A Bad Name, do Bon Jovi, confirmando toda essa ideologia “paz e amor” que as raves propunham nos anos 1990. Indo ainda mais longe, eu ouso afirmar que as raves foram o novo movimento psicodélico como Woodstock, perceba: com o cenário político e econômico conturbado – em Woodstock, a geração do pós-guerra em meio à ascensão de ditadores, e nas raves, o neoliberalismo, o fim da maioria das ditaduras e a inflação no Brasil – e com a popularização de novas drogas – nos anos 1960/70, o LSD e nos anos 1990, o ecstasy -, surgiu uma geração preocupada com a felicidade JÁ, disposta a ficar dias festejando, com ou sem o auxílio de drogas. Que se façam minhas, contudo, as palavras de Erika Palomino no livro “Babado Forte: moda, música e noite”: “naturalmente, mesmo sabendo que algumas pessoas tomam drogas na noite, não se deve pensar que todo mundo da noite toma drogas. Este livro não incentiva o seu uso” e nem eu, Pedro Zanotto.
O fato é que depois – lá por 1:03:00 – começa “Are We Here” e uma pessoa maravilhosa começa a fazer sinais com as mãos, na atmosfera linda que é aquela música. Juro que a primeira vez que eu vi, chorei. É muito interessante perceber como isso me comove, e tenho certeza que também comove várias outras pessoas da minha geração, que cresceram ao lado da música eletrônica e aprenderam a vê-la com outros olhos, ao invés de classificá-la como “bate-estaca”. É a beleza do grupo, da união das pessoas em torno da música, nem que só por aquele momento: a ideologia da rave. Aos 1:05:00 entra “Calling Occupants”, dos Carpenters, aí eu não parei mais de chorar. Depois, aos 1:13:00, começa Chime. Saí do corpo. Apesar de terem acelerado a música – e isso nos mostra como nossa geração gosta de um BPM (beats per minute) entre 126 e 130, contra os cento e vinte e poucos dos anos 1990. Não importa, Chime é Chime e vai ser sempre Chime. É indescritível ouvi-la pela primeira vez e depois essa versão do show. Não vou ficar me demorando aqui, vá ouvir logo todo esse espetáculo.
…e é nesse sentido que eu critico David Guetta, Pitbull e outros. Apesar de fazerem músicas legais e de sucesso, eles são tão comerciais que não conseguem fazer clássicos, relmente bons e ricos em sua composição. Chime, por exemplo, tem mais de 20 anos e foi ACLAMADA e dignamente PULADA em 2012, nesse show do Orbital. As músicas daquele tipo que hoje tocam nos clubes serão ainda adoradas? Tornar-se-ão clássicos? Terão seu valor reconhecido daqui a 20 anos? Ou serão músicas “do momento” que tocaram até enjoar e depois foram para a gaveta? Os anos 1990 formaram DJs que sabem exercer seu ofício, ao contrário desses produtos midiáticos que tão rápido quanto vieram, ir-se-ão. Desculpem-me se desrespeitei as opiniões de alguém, só quis expor a minha e propor uma reflexão.
Salve Orbital.
É nóis.
Bj.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

  • Artigos & páginas mais populares

%d bloggers like this: